26 de fevereiro de 2006

Cabelo

Uma das questões da vida com que nos temos constantemente que preocupar é manutenção de um equilíbrio socialmente aceitável e visualmente agradável entre o tamanho do nosso cabelo e o penteado que usamos.

Hoje em dia não é assim tão barato ir cortar o cabelo e portanto, não podemos fazê-lo frequentemente, caso contrário sobra menos dinheiro para meretrizes e vinho verde. Claro que falo só dos Homens. As mulheres não se preocupam com tais despesas e não sabem definir as prioridades , passando grande parte da sua vida em cabeleireiros a estourar recursos que seriam tão importantes para coisas como as referidas anteriormente.

A verdade é que todos nós temos um tamanho de cabelo que consideramos ideal. Mas como não podemos mantê-lo de forma permanente devido às despesas inerentes a idas frequentes ao cabeleireiro, temos que fazer um corte em que o comprimento capilar é menor do que o pretendido. É um sacrifício necessário.
Ele naturalmente crescerá, mas demorará um certo tempo até atingir o que tanto esperamos. O problema está no facto de que, quando atingir o ponto de perfeição em que sentimos algo próximo da felicidade plena, o tamanho certo durará apenas um dia e rapidamente ultrapassará o limite de comprimento idealizado. Passamos então para uma outra fase entre o fim da perfeição e o próximo corte, momento em que se inicia um novo ciclo.

É portanto apenas um pequeno período, apenas um dia, para os mais atentos e rigorosos até apenas um momento que tem que ser aproveitado e vivido da forma mais intensa possível.
Aproveitemos este raro prazer da vida.

4 comentários:

fake disse...

Amen.

Pato Suicida disse...

hã hã... o comprimento perfeito dura um dia!

Pedro Couto disse...

no meu caso dura 1h e 35m

meldin disse...

ok obrigado.

 
Original template by Exotic Mommie